Tirar as férias com toda a família é um momento muito esperado por todos, especialmente pelas crianças. No entanto, pra que tudo saia dentro esperado, é preciso haver muito planejamento, desde a escolha do destino ideal, até as reservas e documentação necessária.

Pra facilitar a vida de quem esta pensando sobre este momento tão especial, preparamos um post com todas as dicas pra que tudo ocorra tranquilamente. Acompanhe:

Os 5 passos para preparar a viagem em família

1. Definindo o destino certo

Escolher um destino de viagem que agrade a todos pode ser uma verdadeira missão impossível, principalmente quando a família é muito grande. Por isso, o planejamento das férias deve começar com muita conversa, até que todos os membros da família cheguem a um acordo.  Alguns preferem a praia, alguns preferem o campo, outros sonham em conhecer a neve.

Há ainda opções específicas, como por exemplo, conhecer a Disney ou a muralha da China. Sendo assim, o mediador da conversa deve a ouvir a opinião de todos e levar em conta todos os argumentos para que haja uma escolha justa.

2. Estabeleça um orçamento

O orçamento é um dos pontos chave de qualquer viagem e é fundamental que os principais gastos estejam na ponta do lápis. Despesas como passagens, hotel, translados, ingressos para atrações turísticas e até mesmo os gastos com alimentação. Por último, é preciso calcular quanto será a reserva para outras coisas, como compras, por exemplo.

3. Esteja com tudo em dia

Neste caso não estamos falando apenas de passaportes, mas todas as exigências que cada destino faz. Por exemplo, se você for viajar para algum destino dentro do Brasil, somente um documento de identificação será o suficiente, mas se o intuito é viajar para o México, além de passaporte e visto, há também a necessidade de vacina contra febre amarela.

Fique atento também se será necessário algum documento especial para alugar e dirigir veículos, exigências para crianças, entre outros.

4. Faça um roteiro para cada dia

Viajar sem roteiros diários (ou pelo menos alguma ideia do que fazer em cada dia) é sinônimo de perda de tempo. Ao invés de ficar pensando sobre o que fazer a cada momento, o ideal é ter tudo programado. Para isso, faça pesquisas sobre o que cada local oferece de melhor e quanto tempo será necessário para aproveitar bem cada atração, como no caso de museus, por exemplo.

Além disso, pesquise sobre os melhores restaurantes e opções de lazer. Depois disso, elabore pequenos roteiros divididos, por exemplo, por prioridade e distâncias.

5. Aproveite!

Depois de tudo pronto, só resta aproveitar ao máximo cada momento da viagem. Para esta etapa, a dica final é sempre marcar um ponto de encontro em caso de passeios em lugares muito abertos. Caso alguém se perca – e o celular não esteja funcionando para ligações – com um ponto de encontro fica muito mais fácil de se reencontrar.

Se tudo isto pareceu muito complicado pra você, uma sugestão é contar com a ajuda de uma agência especializada. Ela pode te auxiliar na escolha do destino, com o orçamento e especialmente, com toda a burocracia de documentos.

Você já preparou alguma viagem em família? Tem alguma outra dica para dar aos leitores? Compartilhe através dos comentários!