Mais do que uma delícia, viajar faz bem à alma, amplia a mente e faz nos sentirmos mais vivos do que nunca. O contato com outras culturas e modos de viver é capaz de enriquecer culturalmente até o mais difícil dos seres humanos – e a cultura é a porta de entrada para pessoas mais solidárias e, por que não, felizes. Mas para conhecer o que se descortina à sua frente, muitas vezes apenas os pés não são suficientes, e quem gosta de liberdade quer mesmo é alugar um carro. Só que como tudo o que envolve alguma transação comercial, se você não estiver esperto pode acabar com uma baita dor de cabeça, por isso vale a pena ficar de olho em alguns pontos antes de alugar um carro.

1. Antes de alugar carro pense: para que você quer o carro?

Parece óbvio, mas se você pensar com atenção, verá que não é bem assim. Você quer o carro para fazer compras pela cidade, para se deslocar entre praias próximas, não precisar depender de táxis ou transporte público ou para explorar os lugares das redondezas, conhecer outras cidades? Tem destino certo ou vai ao sabor do vento? Será bate e volta ou o tempo de estadia dependerá do que encontrar em cada local?

Por aí você já começa a ver que não é tão simples assim, porque se você alugar um carro com quilometragem fixa, pagará uma diária mais barata, em compensação ficará limitado. Mas se a ideia é percorrer trajetos longos, aposte na quilometragem livre. O plano tem diárias mais altas, mas, neste caso, vale muito mais a pena. aproveite e cheque também se há a possibilidade e qual a taxa de devolução em uma cidade diferente. Vai que você resolve ficar por lá ou partir para outro destino de lá mesmo?

2. Atenção para quem estará no carro

Tanto dirigindo como passageiros. Sim, porque o ideal é cadastrar todas as pessoas que pegarão no volante, por isso atenção, porque você pode decidir tomar as rédeas da direção, mas se há outros adultos habilitados, eventualmente eles poderão reversar com você: por motivo de cansaço, de saúde etc. Por outro lado, não esqueça de pedir cadeirinhas infantis se for levar crianças – há lugares em que a legislação é especialmente rígida a respeito.

3. Seguro – não dê partida sem ele

Não, nem sempre ele está incluído na tarifa básica, por isso pergunte e leia muito bem o contrato. Sempre que possível opte pelo seguro total, de preferência sem franquia. Assim você estará coberto em caso de colisão, incêndio, roubo, furto e danos a terceiros. Por mais aro que ele saia, ainda será barato ser acontecer alguma coisa.

4. Documentação impecável

Antes de assinar qualquer coisa averigue bem a documentação do carro, ela deve estar impecável, com todos os impostos pagos e nenhuma pendência. Se houver algum problema com ela, peça para substituir o carro por outro que esteja completamente legalizado. Você não vai querer dor de cabeça nas suas férias – e por um bem que nem é seu, não é verdade?

5. Vistoria completa e por escrito

Só saia com o carro após uma vistoria completa – lataria, motor, interior, detalhes como frisos, luzes e acessórios. Tudo, absolutamente tudo, desde um risquinho de 2 cm até o rádio que não funciona direito, deve ficar especificado por escrito e devidamente assinado por ambas as partes. Assim você não corre o risco de ser cobrado por alguma coisa que já estava lá antes. Peça um recibo que possa ficar com você ou cópia da vistoria assinada.

6. Cuidado com multas indevidas

Da mesma forma, lembre-se que você só é responsável pelas infrações cometidas durante o período de locação do automóvel. A dica então é “dar baixa” no carro registrando direitinho a data (dia e hora) de devolução.

7. Cuidado com atrasos na devolução

Se combinou, cumpra, até porque senão vai dor no seu bolso: geralmente a multa por atraso é de um terço de diária por cada hora de atraso. E lembre-se também de entregar o carro com taque cheio, já que o litro da gasolina cobrada pela locadora é bem mais cara do que nos postos.

Agora sim, você já está pronto para pegar a estrada e desvendar os novos caminhos à sua frente.

Quer mais dicas de viagem? Dê uma sugestão para a gente e nós faremos outro post!